Local

Casal de jovens de Cristais Paulista que estava desaparecido é encontrado

O casal de namorados que estava desaparecido desde a manhã desse domingo, 11, foi encontrado no início desta tarde. Segundo informações preliminares da família, eles estariam na região de Delfinópolis (MG). Ghabryelly Lays Careta Lima e João Pedro Dias da Silva saíram ontem para ir a uma cachoeira e não chegaram até o local.
O carro do casal teria atolado e eles tiveram que andar vários quilômetros em busca de ajuda o que teria dificultado a comunicação deles com a família. Agora, segundo a irmã do jovem, a família espera a chegada dos jovens para entender exatamente o que aconteceu com eles e o motivo da mensagem encaminhada nesta manhã.

O caso

A família dos jovens Ghabryelly Lays Careta Lima e João Pedro Dias da Silva, ambos de 20 anos, estava a procura do casal que havia desaparecido nesse domingo, 11, em Cristais Paulista. O portal FF já havia divulgado a notícia de seu desaparecimento. Os namorados teriam saído da cidade em direção a cachoeira do Pulo, na região das Águas Quentes, mas não chegaram ao destino.

A última vez que a família havia visto o jovem foi na manhã de ontem, por volta das 11 horas, quando a mãe de João Pedro o encontrou no supermercado. “Minha mãe encontrou ele no supermercado, mas ele não comentou que iria para a cachoeira. Já a noite a sogra dele nos ligou perguntando se sabíamos dos dois, já que eles teriam que buscar eles (pais de Ghabrylly e outro casal de amigos) que estavam retornando de uma viagem e não apareceram”, disse a irmã de João Pedro, Izabella Dias de Paula.

Um amigo do casal teria informado que eles nem chegaram a cachoeira onde deveriam se encontrar. Os familiares do casal tentaram então contato por telefone, mas os celulares dos dois encontravam-se desligados desde ontem. O casal de namorados estaria em uma Strada prata no momento em que desapareceu.

Nesta manhã uma mensagem enviada por João Pedro para o celular da sogra teria assustado ainda mais a família. “Por volta das 7h30 da manhã a sogra do meu irmão recebeu apenas uma mensagem no whatsapp, do número do meu dele, dizendo ‘estamos ferrados’ e logo depois o telefone foi desligado novamente”, contou Izabella.
Um boletim de ocorrência havia sido registrado pela família e a Polícia Civil, juntamente com a DIG (Delegacia de Investigações Gerais) iniciaram as buscas na região.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo