Local

Festival High Tech Moda e Cultura destaca a importância de setores da Economia Criativa para o interior

O Festival High Tech Moda e Cultura foi idealizado a fim de transformar a visão de moda e cultura por parte dos empresários, estudantes e amantes do assunto. Através de diferentes ações tecnológicas, o evento promoverá atividades de capacitação e alinhamento com a nova realidade que surgiu com a pandemia – e que se confirmará necessária, também, no cenário posterior a ela. Cidades referência na produção de moda, artes e cultura brasileira, Birigui, Jaú e Franca, serão cenário de um roteiro exclusivo de eventos virtuais, tecnológicos e criativos nos dias 21, 23 e 25 de abril.

O evento reúne diversos profissionais nacionais e internacionais de economia criativa e mostra como o avanço da tecnologia contribui de maneira extremamente positiva para as carreiras de pequenos ou grandes negócios.

“O Festival surge como uma alternativa propositiva para a indústria e o mercado, em um momento tão delicado, onde temos que ser mais criativos e dinâmicos. Estamos propondo uma programação que possam indicar novas possibilidades – através de um novo ponto de vista – com palavras que teremos que adotar no nosso cotidiano, como: economia criativa, tecnologia, memórias de ofícios, sustentabilidade e pertencimento.”, conta Lucius Vilar, diretor e curador do Festival High Tech Moda e Cultura.

O festival HIGH TECH MODA E CULTURA é realizado pelo Atelier Lucius Vilar e Secretaria de Cultura do Governo do Estado de São Paulo, via Proac Lab – Lei Aldir Blanc. Contamos com a parceria do Instituto By Brasil – IBB e com o apoio do SINBI – Sindicato das Indústrias de

Calçado e Vestuário de Birigui, SINDIFRANCA – Sindicato da Indústria de Calçados de Franca e SINDICALÇADOS JAÚ – Sindicato da Indústria de Calçados de Jaú.

Contamos com o apoio do Grupo de Pesquisa Design e Convergência do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo e dos cursos de RTV e Mídias Sociais da Belas Artes que disponibilizaram os alunos da graduação, e que voluntariamente eles estão criando peças de comunicação para as redes sociais de marcas presentes no evento, de modo a impulsionar a empregabilidade dos jovens.

Com o uso de alta tecnologia, o Festival realiza imersão gratuita no universo da moda, cultura e turismo.

O festival apresentará aos visitantes saraus virtuais com artistas locais, conteúdo digital, webinar, talks, oficinas, produção de moda ao vivo e passeios remotos por seus pontos turísticos. Rodas de discussão e um olhar especial para as principais fábricas do setor também marcam a programação.

O objetivo é levar educação digital a todos e chamar a atenção do público para a importância de ofícios tradicionais como de sapateiros, costureiras, cozinheiras e músicos, e também ampliar o conhecimento acerca das muitas riquezas regionais das cidades de Birigui, Jaú e Franca.

Através da pré-inscrição online  e  gratuita,  os  visitantes  terão  acesso  às  particularidades do processo de desenvolvimento de produtos de moda e serão expostos aos vários aspectos da economia criativa por meio de alta tecnologia, como realidade aumentada, shop streaming e live streaming. Inédito, o evento promoverá relevante e rica troca de experiência entre visitantes de todo o mundo e moradores locais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo