Local

Franca cria Comitê de Emergência Hospitalar para enfrentar o Covid-19

A situação preocupante que Franca, assim como todo o país, enfrenta na luta contra o coronavírus incentivou o prefeito Alexandre Ferreira a convocar representantes dos hospitais particulares da cidade e também do Pronto-socorro Municipal “Álvaro Azzuz” e criar um Comitê de Emergência Hospitalar para a cidade. O objetivo é avaliar de forma conjunta e intensificar as medidas no enfrentamento do Covid-19.

“A situação é muito séria e preocupante. Assim como temos visto em todo o país, em Franca também estamos enfrentando dificuldades para conseguir mais medicamentos. Os profissionais de saúde estão esgotados e os estoques de insumos hospitalares e oxigênio caminham rapidamente para o limite”, disse Alexandre Ferreira.

Na reunião, realizada na tarde da última terça-feira, 23, os participantes decidiram pela criação do Comitê para a cooperação mútua entre os hospitais e para que, juntos, sejam buscados os caminhos que possam garantir o atendimento da população.

“Leito de UTI tem limite e abrir novos leitos, infelizmente, não é na mesma velocidade que o vírus é propagado. Peço encarecidamente, cuide de você e de quem você ama. Respeite as regras sanitárias. O coronavírus é real e mata”, finalizou Alexandre Ferreira.

O último boletim informativo divulgado pela Prefeitura apontava que 48 dos 52 leitos de UTI SUS adulto disponíveis na rede estavam ocupados. Na rede particular a situação era ainda mais delicada, dos 31 leitos disponíveis, apenas 2 estavam desocupados.

O boletim também confirmou mais 4 mortes – 2 idosos com 60 e 71 anos e 2 idosas com 70 e 82 anos, sendo que todos apresentavam comorbidades – além disso, foram registrados 100 novos casos positivos do coronavírus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo