Local

Lotéricas abrem ao público após liminar da Justiça

Por Carolina Ribeiro

Após conquistarem na Justiça uma liminar contra o decreto do prefeito Alexandre Ferreira que suspendia o atendimento entre as 00 horas desta segunda-feira, 22, até as 23h59 da próxima terça-feira, 30, as lotéricas funcionaram normalmente hoje. Enquanto isso as agências bancárias ficaram fechadas.

O fechamento das lotéricas fazia parte das medidas mais restritivas divulgadas em decreto no último sábado, 20, com o objetivo de conter o avanço do coronavírus na cidade. Discordando da decisão da Prefeitura um grupo formado por 20 lotéricas entrou com uma medida de segurança para garantir o funcionamento.

Na liminar, assinada pelo juiz Charles Bonemer Junior, da 2ª Vara da Família e das Sucessões da Comarca de Franca o mesmo afirma que “o decreto, baixado numa sexta-feira, que determina o fechamento de agências bancárias, lotéricas e correspondentes bancários já na segunda-feira seguinte é de um grau de insensibilidade, falta de proporção e de consciência da realidade imperdoáveis.

Quem precisa sacar cheques no caixa, receber benefícios, fazer pagamentos ou quitar compromissos que se venceram a partir de sábado foi, simplesmente, surpreendido por um ato impensado do executivo municipal. Já passamos por fase amarela, laranja e vermelha. Nunca os bancos e agências lotéricas foram fechados, nem mesmo quando a situação do município estava pior…”, escreveu.

Atendimento normal

A reportagem da Folha de Franca esteve na região Central, assim como em outros pontos da cidade, tanto no período da manhã como da tarde desta segunda-feira, 22. Em todas as unidades visitadas o funcionamento seguia tranquilo, sem grandes filas. “Muitas pessoas recebem o vale no dia 20, então imaginei que as lotéricas estariam mais lotadas hoje, mas não peguei fila e consegui pagar uma conta e fazer um jogo rapidamente”, disse a vendedora Beatriz Silva, 30. “Aproveitei para fazer uma fezinha já que estava aberto. Normalmente tem filas, mas hoje está bem tranquilo”, disse o sapateiro aposentado João Miguel Oliveira, 65.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo