Local

Médico acusado de vender anabolizantes em seu consultório se posiciona nas redes sociais

O médico endocrinologista Rogério Miyashiro, acusado de receitar e vender anabolizantes, alguns deles proibidos no Brasil, se posicionou em sua página no Instagram sobre o ocorrido no último dia 9 de maio, quando a Polícia Civil e agentes da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) estiveram em seu consultório e o prenderam. Miyashiro disse em vídeo que nenhum medicamento em seu consultório foi “fornecido nem ministrado aos seus pacientes de forma irregular” e que está prestando todos os esclarecimentos às autoridades sobre o ocorrido. O médico responderá em liberdade pelo crime de contra a saúde pública.

O médico acusado possui especialidade em endocrinologista e medicina esportiva. De acordo com a polícia ele receitava anabolizantes para seus pacientes com o objetivo de ganho de massa muscular. Um de seus pacientes que fazia uso do medicamento percebeu que não estava tendo resultado e nenhum ganho de massa muscular e resolveu entrar em contato com o fabricante. Após passar o número do lote, constatou que o produto poderia ter origem suspeita e ser falsificado.

Todo medicamento encontrado em seu consultório foi levado para a delegacia. Um deles, inclusive, tem a venda proibida no Brasil.

Veja abaixo o texto publicado pelo médico em sua rede social:

“Eu sou Rogério Henrique Miyashiro, venho publicamente realizar esclarecimentos de diversas veiculações sobre minha pessoa e como médico, em especial a todos os meus Pacientes e Ex-Pacientes.

No dia 09 de maio do corrente ano, meu consultório teve uma fiscalização dos órgãos públicos competentes.

Quando de tal fiscalização eu estava em meu consultório trabalhando regularmente, como faço diariamente.

O mais importante que eu quero esclarecer, nenhum dos medicamentos encontrados pela fiscalização foi fornecido nem ministrado aos meus Pacientes de forma irregular.

De toda forma, estou contribuindo para o esclarecimento de todos os fatos para todos os órgãos públicos e meu órgão de classe, e claro, à disposição de todos os meus Pacientes e Ex-Pacientes para quaisquer dúvidas.

Sou médico, possuo pós-graduação em medicina do esporte e endocrinologia; friso e ressalto que nunca, jamais colocaria em risco a saúde de qualquer Paciente!

Todos que me conhecem sabem como trabalho.

As críticas que fazem são daquelas pessoas que nunca pisaram no meu consultório, não me conhecem e não sabem como trabalho.

Obrigado.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo