Religião

O Ser Humano:

Um Ser Biológico, Filosófico e Transcendente

Quando o Ser Humano se depara com a angústia, isso passa a significar um problema, e se torna para ele causa de um intenso sofrimento espiritual. Esse problema nasce quando descobrimos um conflito ou uma contradição entre a expressão do nosso próprio jeito de ser e aquilo que se espera nós. É na angustia que o ser humano se torna um problema para si mesmo. O que o ser humano significa para si mesmo? Que significado tem a nossa vida para as pessoas que nos rodeiam?

Um estudo filosófico do ser humano não pode se tornar somente uma descrição superficial, pois o se humano tem um significado que ultrapassa o seu simples existir. Quem sabe a tragédia do homem e da mulher no mundo moderno tenha sido aquela de não questionar-se: “Quem sou eu?”. E com isso acaba por não encontrar sua própria identidade e o autêntico sentido da sua existência humana.

Tem-se argumentado o fato de quem sabe ser a neurose a doença deste século. Porém, quem sabe este  seja mais um fracasso da consciência, do que um desgaste dos nervos. E o que se pode esperar de uma consciência frustrada? Não é possível estudar a condição do ser humano sem se impressionar pela sua sorte. Do ponto de vista biológico, o Ser humano pode até ser um tanto equilibrado aparentemente, mas é também, na sua essência, envolto na aflição da impotência, insatisfeito em meio a um sentimento de inferioridade e medo.

O homo sapiens, pode até acreditar de ser realizado e forte, mas por outro lado na realidade ele é pobre, necessitado, vulnerável, envolto pelo sofrimento físico e espiritual. Tantas vezes se encontra em meio a privações, aflições e incertezas. Uma coisa é a aparência e outra é a realidade em si mesma.

Qual é a saída, então, para o ser humano,  diante deste cenário em que se encontra?

 Viver uma vida de transcendência voltando-se para o seu criador que o acompanha no desenrolar de sua história. A oração é a melhor forma de vivermos o diálogo com Deus. Diz o Apóstolo Paulo: “Tudo posso Naquele que me fortalece”.  

“A Oração é uma antecipação do Céu, algo que ecoa do Paraíso. Ela nunca passa sem deixar doçura. É um mel que desce na alma e suaviza as nossas dores e acalma o nosso coração. Diante de uma oração bem feita, as dores se dissolvem como a neve sob o sol forte”(Cardeal Robert Sarah). 

Fonte: Chi è L´Uomo? Abraham Joshua Heschel(um dos maiores filósofo Hebreu do nosso tempo, muito querido do Papa São João Paulo II).

Pe Mário Reis Trombetta

É vigário da Paróquia Cristo Rei, em Orlândia. Já atuou nas Paróquias Santana, São Crispim e Santa Rita de Cássia, em Franca. Fez Filosofia na Capelinha, com os Agostinianos e, em 1992, seguiu para Florença, Itália, e posteriormente, Madri, na Espanha, para concluir seus estudos. Retornou a Franca em 96 e foi ordenado padre em 98. Completa este ano 23 anos de sacerdócio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo