Religião

“Vencendo o passado, desfrutando do presente e construindo um futuro de Gloria”

Por Fernando Lúcio

E nasceram a José dois filhos (antes que viesse um ano de fome), que lhe deu Azenate, filha de Potífera, sacerdote de Om. E chamou José ao primogênito Manasses, porque disse: Deus me fez esquecer de todo o meu trabalho, e de toda a casa de meu pai. E ao segundo chamou Efraim; porque disse: Deus me fez crescer na terra da minha aflição. Gênesis 41:50-52

  • O tema desta reflexão retrata os ciclos de nossas vidas; passado, presente e futuro. Os textos bíblicos acima mencionam o nascimento dos filhos de José, o primogênito, Manasses, e o segundo filho, Efraim. Os significados dos nomes dos filhos de José representam circunstâncias em sua vida. Quando José olha para Manasses consegue ver que todo mal que aconteceu na sua vida, causado por terceiros, não foi capaz de fazer ele retroceder, pois quem vive no passado morre para o futuro, o excesso desse leva à depressão. José sabia que estava sendo preparado para algo maior, então precisaria ter o coração limpo desses acontecimentos para receber as coisas novas que estariam por vir. Em Provérbios 4vs 23 vai dizer… “Sobre tudo o que se deve guardar; guarda o teu coração, pois são dele todas as saídas da vida”. José não sofria de amnesia, até poderia lembrar do mal que os irmãos fizeram, a injustiça na casa de Potifar, o tempo na prisão, o esquecimento do Copeiro… todos esses treze anos de sofrimento, mas não se sentiria triste, esse passado não atrapalharia sua vida. Ele estava pronto para o novo tempo de Deus. Tudo isso foi um aprendizado, pois em cada experiência se aprende uma lição.
  • O olhar de José a Efrain lhe mostrava “Deus me fez crescer na terra da minha aflição”. Onde ele foi humilhado, Deus o exaltou, pois o presente deve ser vivido independente do que aconteceu no passado. José vive o presente com maestria, com equilíbrio, pois o excesso do presente leva  ao stress, tornando as pessoas mal humoradas, irritadas, cheias de problemas emocionais e psicológicos, totalmente sem expectativa do futuro, e o que importa não é o evento ou as circunstancias, mas, sim, a nossa reação a elas.
  •  E José não poderia se perder, pois grande era o desafio pela frente. Aonde põem as mãos Deus, faz ele prosperar. Ele precisava cuidar de sua família e desse povo e, ao olhar o futuro, é preciso ter cuidado, pois o futuro é aquilo que está por vir e pertence a Deus, e o excesso deste leva à ansiedade e vemos os inúmeros males que isso tem deixado na sociedade: INSÔNIA, TENSÃO, MEDOS  IRRACIONAIS, ATAQUES DE PÂNICO e por aí vai É preciso ter controle e equilíbrio. Em tempos de crise é preciso evitar dois erros: o primeiro é não acreditar em Deus e o segundo é acreditar em Deus de forma errada, cruzando os braços e não fazer a nossa parte. José acredita em Deus e vai ao trabalho, organiza os mantimentos em tempo de fartura para ter o suficiente na crise, reconcilia com seus irmãos, reencontra-se com o seu pai, abençoa a sua família e o povo do Egito e consegue construir um futuro glorioso, se torna uma referencia para todos, viveu seu propósito e deixou seu legado e, numa última declaração depois da morte de seu pai, disse aos seus irmãos: “Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida”. Gênesis 50:20.

A História de José é fenomenal, um grande exemplo de fé e superação que nos inspira e motiva. E como precisamos nos inspirar em homens e mulheres que marcam a sua geração! Vemos infelizmente muitas pessoas vazias se inspirando em pessoas vazias para não se ofender com o vazio que há em si, te convido a ler essa história na íntegra, na Bíblia Sagrada, no Livro de Genesis, do Cap 37 ao 50. Com certeza será um divisor de águas na sua vida.

Vivemos dias difíceis em todas as esferas, mas te convido a ser um portador de uma palavra de esperança. Essa é a minha meta de vida em todas as áreas que atuo e deixo esse último texto bíblico para fechar esta reflexão, Provérbios 31 vs 25 “Reveste-se de força e dignidade SORRI DIANTE DO FUTURO. Pois crises e momentos difíceis não definem o nosso futuro. Há um tempo melhor de Deus para a nossa vida”

Fernando Lúcio

Formado em Teologia, graduado em Marketing e possui pós graduação em Gestão Comercial e Inteligencia de Mercado.

2 Comentários

    1. É um momento de muita dor e quando deparamos com um texto onde nos dá a certeza que Deus existe só temos que agradecer por existir pessoas como vc em nossas vidas …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo