ColunasLulu do Canavial

É hoje é dia, da alegria (última parte)

Tava nóis no “broco”, mas aconteceu de tudo. Enquanto a Tobi rebolava, a Lolosa fazia embaixadinhas, minha sola da botina ordinária arrancou, o pneu do carro alegórico estourou, fiquei embaixo da bunda do Rei Momo, que soltou bufa na minha cara o desfile inteiro. Um menino catarrento tirou a meleca do nariz e limpou no meu boné, suei igual tampa de marmitaa – e pior! Fui recebendo cantadas dos cinco trogloditas o desfile inteiro:

– “Eu não sou político corrupto, mas adoraria botar os meus bens e você”

– “Tu não é Anitta, mas prepara que agora é hora!”

– “Meu amor, você é que nem diarreia: provoca um estrago, mas eu não consigo segurar”

– “Seu sorriso parece o da Monalisa: combina com o meu Picasso”

– “Nossa, você é tão linda que não deve cagar, mas soltar bombons”

– “Você não usa calcinha, você usa um porta-joias”

– “Gatinha, perto de você sou igual Miojo, fervo em 3 minutos e estou pronto”

Eu fui ficando irritada de fazer força para empurrar o carro e ganhando cantadas, então resolvi responder:

– Ele: ”O que você faz da vida?”

Eu: “Sou travesti”

-Ele: “Sua boca tá muito longe da minha”

E eu: “Higiene”

-Ele: “Se eu tivesse uma mãe como você, mamaria até os três anos”

E eu: “Se eu tivesse um filho como você, venderia pro circo”

-Ele: “Eu quero me dar completo para você”

E eu: “Sinto muito, não aceito esmola”

-Ele: “ Se eu pudesse te ver nua, morreria feliz”

E eu: “Se eu pudesse te ver nu, morreria de rir”.

Enfim terminou a porcaria do desfile. Frustração total. Foi urucubaca das vizinhas porque eu sou uma mulher bem-sucedida, tenho um Corcel e nunca desligaram a minha luz por falta de pagamento. Invejosas.

Tchau carnaval - Meme by leotrevelin :) Memedroid

Luciene Garcia

É jornalista e criadora da personagem Lulu do Canavial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo